Guloseimas para vender em centros comerciais

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Se seu ideal de negócio consiste em vender em centros comerciais, existem várias guloseimas que se encaixam perfeitamente nessa ideia. Conheça-as!

O termo “guloseima” abriga uma série de opções, que podem ser tanto produzidas por você, quanto compradas e revendidas em qualquer lugar, como balas, chicletes, chocolates e jujubas.

Independentemente do que escolher vender em centros comerciais, confira dicas para tornar esse processo mais simples e rentável e para se encontrar nesse mercado!

Afinal, como vender em centros comerciais com sucesso?

Inicialmente, vamos pensar em um bom produto para vender em centros comerciais. Em termos de guloseimas, existem opções que são claramente vitoriosas em compra. Confira.Farofias tradicionais 5 600x400 - Guloseimas para vender em centros comerciais

Cachorro-quente

Simples, saboroso e um grande matador de fome: o cachorro-quente é a opção perfeita para quem deseja lucrar e vender em centros comerciais.

– Tenha consigo uma bolsa térmica e sempre embale os lanches em alumínio caso não tenha como investir em um carrinho de cachorro-quente.

  • Certifique-se de manter os itens sempre frescos e de estipular um preço que seja condizente com sua condição.

Brigadeiro

Um dos itens favoritos a se vender em centros comerciais, o brigadeiro não possui segredo.

Faça a receita em sua casa e coloque as bolinhas de brigadeiro em lindas forminhas de papel.

  • Uma vez que a receita é quase sempre a mesma, aposte em outros diferenciais, como cores, formas e, claro, na sua simpatia de vendedora.

Comida de pote

A comida de pote tem sido uma das maiores revelações de vendas atualmente. Itens salgados e doces podem ser vendidos em potes, então use sua criatividade e inove o mercado na hora de vender em centros comerciais!

Aposte na lei para vender em centros comerciais sem problemas!

A distribuição comercial de suas próprias guloseimas difere legalmente de outras vendas de artesanato e exige que você obtenha licenças adicionais.

– Obtenha uma licença comercial. Essa licença é necessária para quem manuseia alimentos e demonstra que você tem uma boa compreensão das práticas de segurança alimentar e saneamento.

Entre em contato com o departamento de saúde local para saber mais sobre o processo de aquisição de um cartão manipulador de alimentos.832f9f0882f339adbcf7dc2368e386d4 - Guloseimas para vender em centros comerciais

Padronize suas receitas

Crie uma receita padrão. Isso garante que você esteja sempre criando e vendendo o mesmo produto de qualidade para todos os seus clientes.

– Também é importante ter uma receita padrão para que você possa criar um rótulo, com ingredientes e valores nutricionais, de acordo com os padrões estabelecidos pelos órgãos vigilantes.

–  Desenvolva um método fixo para apresentar e empacotar seu produto. Certifique-se de que todos os materiais que você usa são especificamente alimentícios para garantir que sua guloseima seja segura para outros consumirem.

Encontre um nicho de mercado

Pense em quem pode aproveitar melhor seus lanches e onde esses clientes têm a maior probabilidade de comprá-los na hora de vender em centros comerciais.

– Por exemplo, se você deseja vender um croissant de chocolate gourmet, pode descobrir que as lojas de presentes da região podem vendê-lo também com sucesso. Será que compensa concorrer?

– Por outro lado, se o seu croissant é um alimento de conveniência para pessoas ocupadas, os cafés, especialmente aqueles que oferecem serviços o dia todo, podem servir melhor para trazer a você seus clientes-alvo.

  • Certifique-se de estar sempre próximo desses locais, mas nunca incomodando os funcionários e clientes dele. Assim, você garante que é profissional na hora de vender em centros comerciais.

Construa relacionamentos com clientes novos e potenciais

Considere oferecer amostras grátis de seus lanches para ajudar a garantir as vendas. Além disso, toda vez que um potencial cliente passar, pergunte educadamente se ele gostaria de conferir seu produto.

– Sorria sempre. Vendedores educados tem muito mais chance – comprovada – de sucesso do que vendedores com ótimos produtos, mas mal-educados.

– Garanta qualidade em seu serviço. Se o cliente não confiar em você ou se você faltar com a palavra para ele, ele não voltará a comprar de você.

Com as dicas acima para vender em centros comerciais, obtenha um renda extra ou, quem sabe, até mesmo transforma a venda de guloseimas em seu emprego único!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *